sábado, 18 de outubro de 2008

Wedding Day - Hoje tem Casamento!


Num mundo de descasados como é o nosso, impressionante como ainda tem gente que se dispõe a fazer o dia do casamento um dia de sonho. A noiva hoje é a Princesa. E o noivo, o Príncipe. Estão todos se preparando para o grande dia... Pais, mães, tios, tias, primos, avós... Todos se arrumando para celebrarem a união de duas pessoas familiares.

Quem se casa hoje é meu segundo primo. Meu irmão mais velho foi o primeiro neto da família. Anos depois, nasceu meu primeiro primo. Depois fui eu. E depois de mim, esse meu priminho que vai casar. Eu adoro ele, o André! Ele tem um coração de ouro, esse menino. Ele era um bebê tão lindo! Tinha o cabelo tão branquinho, parecia uma nuvem. Era um bebê rechonchudo... E uma criancinha linda também. Hoje lembro da nossa infância, dos nossos brinquedos de meninos... Puxa, o tempo voa! A noiva dele é uma moça adorável! Realmente, ela tem tudo de princesa. E eu tenho certeza de que hoje à noite ela vai estar linda.

Eu fico muito emocionada. Sei que casamento (cerimônia com festa) hoje em dia é uma bobagem. Gasta-se horrores com festa, buffet, roupa, viagem, tudo em torno de uma coisa que talvez daqui há anos não signifique mais nada. Essa semana soube que alguém com quem eu iria me casar se descasou. Eu sofri tanto quando ele me deixou pra ficar com ela... E agora? Eu fico pensando que a descasada hoje poderia ter sido eu. Foi melhor assim; as dúvidas a esse respeito se esvanceram há muitos e muitos anos! Minha mãe, minhas tias, todas descasadas! E gente casada fingindo se gostar pra manter as aparências! Mesmo assim, eu acredito no casamento. Por que? Poderia listar vários motivos, mas se resumem num só: sou uma romântica incurável! Adoro filme de casamento! Adoooooooooooooro! Já perdi a conta de quantas vezes vi Bridget Jones (1 e 2). Aliás, isso vai ser tema de um futuro post: melhores filmes de casamento - top 10, com direito a resenha e estrelinhas, que tal? Assim, se eu me casar, pessoas, vai ser pra vida toda. Eu não me casarei para descasar. Prefiro morrer solteira. Digam o que disserem, cobrem de mim isso o quanto quiserem. Só me caso por muito amor! Quando? Quem sabe...

Deixo pra vocês um clip hiper romântico de um casal famoso: Heidi (a super model da Victoria Secrets) e Seal (o cantor). Eu costumo dizer que eu entrarei na igreja ao som de Bittersweet Symphony, mas essa canção é perfeita para um casamento!

Beijos, niños e niñas!

Wedding Day
[Seal]
Today, I give it, all to you,
On this day we recall the memories,
Of what we're goin' through,

[Heidi]
This day, we're gonna win it,
Givin' you all above,
Many minds will recall with us tommorrow,
Followin' our love,

[Seal]
In my heart a place,
A most special place,
And it's all for you,
You're my girl, you're my, angel,

[Seal & Heidi]
The will's the same for us,
Honey they can't be wrong,
Cause everybody knows it was hard to break the sorrow,
Then you came along,

[Seal & Heidi]
In my heart, a place,
A most special place,
And it's all for you,
You're my girl, you're my angel, you're my girl

Oo ooh, aa aah, oo ooh, oo oo oo ooh, oooh and you're the one,

[Seal]
In my heart, a place,
A most special place,
And it's all for you,
And it's all for you,

[Seal & Heidi]
In my heart, a place, and it's all for you,
A most special place, and it's all for you,
And it's all for you,
You're my girl,
You're my heaven, you're my world,

[Seal & Heidi]
In my heart, a place, and it's all for you,
A most special place, and it's all for you,
And it's all for you,
You're my girl,
You're my angel, you're my girl

2 comentários:

Cláudio disse...

Casamento é uma convenção social. Acho que um casal se casa quando se conhecem e sentem que algo dentro o complementou, não no sentido de "alma gêmea", pois, nossa natureza é Una.
Se formos menos românticos, pararíamos de projetar a "pessoa ideal" nos outros.
Infelizmente casamento é muito cobrado, já ouvi pessoas dizerem que se o homem não casa até os 40, é porque ele é gay. Triste né?

Dafne disse...

Vc viu Fantástico ontem? Tudo isso é química e quando a paixão passa e fica só o amor, uma vontade desperta na pessoa o desejo de viver junto, de estar sempre perto e isso é explicado pela ciência!
É Fantástico...